quinta-feira, abril 29, 2010

A Influência de Lula



Rodrigo Constantino

O presidente Lula é um dos líderes mais influentes do mundo, segundo lista divulgada pela revista americana 'Time'. No release divulgado pela revista, o cineasta Michael Moore assina texto elogiando o presidente brasileiro e seu programa “Fome Zero” (ignorância ou má-fé? Em se tratando do autor do “documentário” em prol da medicina cubana, só pode ser a última opção mesmo).

Alguns petralhas, com forte complexo de “vira-latas” (eles odeiam tudo que vem do capitalismo ianque, mas vibram com qualquer elogio de lá), rapidamente celebraram, e a turma da “guerrilha virtual” de Dilma aproveitou para mandar spam com a novidade (eu fui uma das vítimas, pois estou involuntariamente na lista de emails dos fakes petralhas, que mandam cerca de dez mensagens por dia em prol da candidata petista – uma vez clandestinos...).

A revista não anuncia um ranking dos mais influentes; apenas a lista completa. Mas mesmo assumindo a mentira rapidamente disseminada pelos petralhas, de que Lula é o mais influente de todos, bastava uma rápida pesquisa, até mesmo na Wikipedia, para ver que não há muito que comemorar com esta notícia. Eis o que diz a “enciclopédia” popular sobre o título “pessoa do ano”, criado pela revista:

“O título é freqüentemente confundido como uma honra. Muitos, incluindo alguns membros da imprensa dos EUA, continuam a perpetuar a idéia de que a posição de ‘Pessoa do Ano’ é um prêmio ou recompensa, apesar das freqüentes declarações da revista dizendo o contrário. Parte da confusão parte do fato de que muitas pessoas admiráveis (sob certo ponto de vista) receberam o título — talvez a maioria. Por isso, alguns jornalistas descrevem a nova pessoa do ano como mais uma no ‘grupo’ de vencedores passados como Martin Luther King. O fato de que pessoas como Adolf Hitler já receberam o título é pouco conhecido.”

Pois é, petralhas. Hitler, aquele que ajudou a fundar o Partido dos Trabalhadores na Alemanha, aquele defensor do nacional-socialismo, aquele que contava com um marqueteiro profissional para enganar o povão, aquele que conquistou amplo apoio popular com sua retórica sensacionalista e antiliberal, enfim, aquele mesmo que foi responsável pelo Holocausto, já foi o “homem do ano” desta mesma revista. Além dele, outro que consta na lista é Aiatolá Khomeini, que foi o vencedor em 1979. Uma turma influente, sem dúvida. Mas ninguém diria que a influência foi positiva! Ou quase ninguém...

Para piorar a coisa, está na mesma lista deste ano a ex-candidata Republicana Sarah Palin. Sim, essa mesmo, que foi ridicularizada pela esquerda toda – não sem boa dose de razão. Em suma, Lula é um dos homens mais influentes do ano (e não o mais influente, como os petralhas querem acreditar e enganar por aí), diz a revista sob aplausos dos petralhas. E Sarah Palin é uma das mulheres mais influentes, para uma revista que já colocou Hitler e Khomeini no topo da influência mundial. Tudo isso com os elogios de Michael Moore, que ninguém mais consegue levar a sério. Motivo para regozijo dos petralhas. Lula é o cara! Foram os ianques que disseram... então é fato!

Resta agora apenas o Prêmio Nobel da Paz mesmo. Nada mais justo! Se o terrorista Arafat já ganhou o seu, por que Lula deveria ficar de fora?

25 comentários:

aventuras de uma viúva alegre disse...

Rodrigo, seus posts estão espalhados por todo meu universo de amigos pessoais, virtuais, etc...
Sempre muito sensatos, verdadeiros e interessantes!"
Beijo
Ana Serra

UMA MULHER disse...

Gostei Rodrigo, parabens...
Fátima

Anderson disse...

Rodrigo, tenho uma curiosidade que não tem nada a ver com esse post. Onde vc estudou no ensino fundamental e médio? Eu pergunto pq acho que hoje em dia o ensino brasileiro está muito aquém das nossas necessidades. Eu fiz cursinho pra passar em um concurso do Exército e, ao entrar no cursinho, percebi que tinha jogado meu tempo fora até então. O povo, em sua maioria, não tem educação e, com isso, fica difícil entender o quanto são manipulados.

Rodrigo Constantino disse...

Anderson, estudei no colegio Santo Agostinho, um dos melhores do Rio. Tive professores comunistas, claro. Mas o estrago, em mim, nao foi grande.

csvo disse...

Entendi a intenção na citação do Michael Moore, mas para ser "justo", ele elogiou o sistema médico da França, Inglaterra, Canada, o de Cuba e até o de Guantanamo de forma comparativa ao "geral" nos US.

ntsr disse...

Qual a razão que a esquerda gringa tinha pra ridicularizar a Sarah Palin?
(Obs, note que eu n to perguntando qual o motivo pra um liberal laissez faire criticá-la, mas sim onde foi que a esquerda gringa acertou, se é que acertou)

ntsr disse...

'Lula é o cara! Foram os ianques que disseram... então é fato!'
A esquerda daqui tem orgasmos múltiplos com essa besteira pq pra eles é uma justificativa pra mais governo.
A lógica é mais ou menos assim, se ATÉ na pátria do capitalismo ( o que é uma mentira primeiro pq nem o capitalismo nasceu nos states nem os states são exemplo de economia liberal há muito tempo) o povo admira ( na verdade n é o povo mas sim a esquerda de lá) o lula então isso é um sinal de que o brasil ta no rumo certo, e os que não concordam com isso são uns alienados lunáticos que n entendem o capitalismo como ATÉ os gringos entendem

ju disse...

Rodrigo, depois de ler, em vários blogs, ``o lado petralha de ser`` em relacao ä lideranca lulista, nao vou me limitar a colocar apenas o endereco do seu artigo. Vai inteiro, mesmo.

Ju

perdao pela falta de acentuacao e cedilha.

ney disse...

Veja o que uma juiza disse para o filho do Lula:

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO
COMARCA DE SÃO PAULO
FORO REGIONAL XI - PINHEIROS
2ª VARA CÍVEL
RUA JERICÓ S/N, São Paulo - SP - CEP 05435-040

Ademais, o autor, sendo filho do Presidente da República, tornou se uma pessoa pública notadamente, mais uma vez deve ser dito, após a comparação, feita por seu pai, com o “Fenômeno”. Como pessoa pública, deve estar consciente de que sua imagem será exposta. E, se tal exposição está ligada a assunto de interesse público e, aqui, está -, jamais a imprensa terá que lhe pedir licença para fazer uso de sua imagem.

O autor precisa compreender que é de interesse de toda a população brasileira saber como o filho do Presidente da República obteve tamanha ascensão coincidente ao mandato de seu pai. E há de concordar que uma imprensa livre para investigar tais fatos é fator essencial para que vivamos num Estado Democrático de Direito, ideal outrora defendido por tantos que, agora, ao que se vê, parecem se incomodar com ele."

Anônimo disse...

Gente vejam como o presidente lula é bonzinho c os estrangeiros

Hoje a faxineira aqui do Autoracing, D. Cleide, que votou no Alckmin, nos disse que recebe o "Bolsa Família" do Lula... R$ 15,00 por mês...

Aí fiquei pensando... Puxa, como o Lula é bonzinho.... fica dando esmola com o dinheiro dos outros e ainda vai na TV ameaçar que se não for reeleito o povo vai ficar sem a esmola !!

COM O DINHEIRO ALHEIO É GOSTOSO FAZER CARIDADE E CAUSAR BOA IMPRESSÃO. É UM GRANDE GOVERNO, DE UM PAÍS RIQUÍSSIMO...

LULA, "O MAGNÂNIMO".

Brasil perdoa 95% da dívida de Moçambique
Os presidentes do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva e de Moçambique, Joaquim Alberto Chissano, assinaram na terça-feira (31) em Brasília um acordo em que o Brasil perdoa 95% da dívida do país africano no valor de US$ 315 milhões. Lula acompanhou o gesto com um comentário dirigido elipticamente às metrópoles desenvolvidas:"Eu penso que isso pode servir de exemplo para que outros países da mesma magnitude do Brasil tenham o mesmo gesto com outros países pobres do mundo, que muitas vezes têm uma dívida que todo mundo sabe que é praticamente impagável, mas que funciona como uma espécie de espada na cabeça dos devedores", afirmou.

Brasil perdoa mais da metade de dívida da Nigéria
O Brasil vai receber apenas US$ 67,3 milhões da dívida de US$ 150,4 milhões que a Nigéria contraiu com o país, há mais de 20 anos, em financiamentos e seguros de exportações. Os outros R$ 83,1 milhões serão cancelados, conforme acordo assinado ontem (29/12) pelo ministro interino da Fazenda, Murilo Portugal, e pela ministra das Finanças da Nigéria, Ngozi Okonjo-Iweala.

Brasil perdoa dívida de US$ 52 milhões da Bolívia
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou nesta quinta-feira o perdão de uma dívida de US$ 52 milhões que a Bolívia tinha com Brasil. O anúncio foi feito durante uma breve visita do presidente brasileiro à Bolívia, para onde viajou depois do final da Cúpula do Mercosul, em Puerto Iguazú, na Argentina. Além de demonstrar seu apoio político a Mesa e perdoar dívidas do país, Lula anunciou a abertura de uma linha de crédito do BNDES para que a Bolívia possa construir uma rodovia ligando Puerto Suarez (cidade boliviana na fronteira com o Brasil, perto de Corumbá/MS) a Santa Cruz de La Sierra.

Brasil perdoa dívida de 4 milhões de dólares a Cabo Verde
O Brasil vai perdoar ao Estado de Cabo Verde a dívida de 4 milhões de dólares que este acumula junto das instituições daquele país.

BRASIL PERDOA DÍVIDA DA NICARÁGUA
Havana, 17 de maio (RHC). O presidente nicaragüense, Enrique Bolaños, agradeceu a decisão do Brasil de perdoar 95% da dívida nicaragüense com esse país, estimada em 141 milhões de dólares.

fejuncor disse...

Lula foi o maior evasor de dinheiro público que este Brasil já viu passar pela presidência, colega, perceba quanto vem nos custando sua “influência”. Essa lista que você passou não contém tudo. Tem muito mais do que isso. Aí não tem Paraguay e Angola. E tem muito mais.

fejuncor disse...

Há algum tempo, a Rainha, ao se referir ao Brasil, citou o fato de os Rolling Stones terem se apresentado em Copacabana e que isso mostrava que os dois países estavam se aproximando. Bajulações. Amenidades. Fico pensando o que tudo podem conseguir pessoas com a tarimba e a tradição dos britânicos, após uns uísques bebidos com um desconexo como Lula. Ele tem sido recebido com frequencia em Londres. O que estarão tramando não é tão significativo quanto o fato de que Lula faz política externa sem a mínima responsabilidade. Mas que é de se pensar o que estarão tramando, isso é.

guarinos disse...

ele e "O CARA" que chama seus eleitores de porcos, e ainda recebe os votos.
O Mister M da politica brasileira

Anônimo disse...

Falando em dinheiro público, eis aqui o que o Lula anda fazendo com ele:

http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2009/09/25/ult59u201822.jhtm

Allen Konstanz disse...

Essa ai do bolsa futebol foi lasca...
Fala sério...
No words...

onildo disse...

Um votação que escolhe Lady Gaga como a artista mais influente do mundo não pode ser levada a sério.

C.o.n.s.u.e.l.o disse...

Gente, Hitler também foi super influênte!

Anônimo disse...

Não adianta essa choradeira. Todos tem que entender que ele é o "cara". Desmerecer isso é puro sentimento "raivoso" da cúpula direitista, inclusive a maioria midiática. Agora vejam como são as coisas: com toda essa badalação não é capaz de eleger um sucessor. Penso eu que mesmo não votando em Dilma, não enxergo em Serra melhores atributos do que o Sapo Barbudo

ntsr disse...

'até mesmo na Wikipedia, para ver que não há muito que comemorar com esta notícia. Eis o que diz a “enciclopédia” popular sobre o título “pessoa do ano”, criado pela revista:'

Rodrigo, a wikipedia tem um time de editores, é esquerdista até a alma.Nos primórdios cheguei a ver no verbete sobre 'economia' que economia entrava em conflito com um dos ramos da filosofia(ética)
bleargh

Anônimo disse...

Para ntsr,
.
Me dou por satisfeito se decifrar, e me dirijo ao nobre escriba para perguntar: A taxa SELIC hoje de 9,5% realmente é altíssima. Mas, voltemos a dezembro de 2002. A taxa deixada pelo governante anterior ao Lula - vou omitir o nome para não dizerem que sou maldoso - era simplesmente de 27%. Mais de 200% superioro a atual. Lembra, mister ntrs? Por isso o Brasil "parou" naqueles tempos sombrios. E hoje, com a experiência do passado, sei não... Suas abobrinhas é como semente moída. Vejo que sua idiossincrasia absurda e vaga - seja coerente! Oscar

Rodrigo Constantino disse...

Oscar, a taxa de juros era bem maior quando Lula assumiu basicamente por causa de dois fatores: cenário externo pior, e o próprio risco-Lula. Os investidores ficaram apavorados com o risco PT, e Lula teve que escrever uma carta aos brasileiros, e depois provar que não iria fazer tudo aquilo que sempre prometera.

Rodrigo

ntsr disse...

Oscar é só mais um fazendo o favor de confirmar o que eu já tinha dito, não adianta mostrar os fatos, eles acreditam no que querem e vc, Rodrigo, ta lutando uma batalha perdida.
Quer apostar como daqui há dez anos o brasil vai estar muito mais hugo chavez do que hoje?

fejuncor disse...

Voltando da Mole hoje pela tarde enquanto escutava no carro a rádio Atlântida daqui por duas vezes passou um quadro de curtas no intervalo trazendo "uma revista elegeu Lula a PESSOA MAIS INFLUENTE DO MUNDO". Não foi uma, mas duas vezes. Como o movimento de volta das praias era intenso, meia hora depois ainda estava no caminho com o som ligado, novamente escuto o locutor entrar no ar "lembram que eu falei da lista que destacou a influência do presidente?" eu que cheguei a mirar o celular para pedir que invés de “informar” se preocupassem mais em tocar música que é o que sabem fazer, pensei cá com meus botões: "o que não fiz muitos devem ter feito e eles receberam uma chuva de ligações corrigindo aquela besteira". Enganei-me. “Pois bem, a mesma publicação além de apontar em primeiro lugar o líder brasileiro apontou Lady Gaga como a cantora mais influente também”. Então tá! Não precisa mais ligar heahuahah. Incrível mais é isto o que anda circulando, uma vez que ninguém leu a Time obviamente, não falta gente acreditando. Até o coitado do locutor da rádio.

fejuncor disse...

A título de informação, caso haja outros desavisados, repasso um trecho do Tio Rei elucidativo.

"É conveniente ter um pouco de simancol, não? Ora, se era um ranking, então, o almirante Mike Mullen, chefe do Estado Maior Conjunto das Forças Armadas dos EUA, seria mais influente do que seu chefe: Barack Obama! Afinal, Mullen estaria em terceiro lugar, e Obama, logo abaixo. Considerando o ofício de cada um, a revista estaria afirmando que as opiniões do militar pesariam mais do que as do presidente dos EUA no concerto das nações. Seria o caso de mandar o comando da revista para o hospício."

Anônimo disse...

Excelente artigo. Parabéns!