domingo, junho 06, 2010

O efeito esmola



Dilma lidera no Norte e Nordeste e Serra, no Sul e Sudeste, mostra Ibope

Petista lidera entre eleitores com renda de 1 a 2 salários mínimos.
Liderança entre eleitores com renda acima de 5 salários é de Serra.

Do G1, em São Paulo

Pesquisa Ibope de intenção de voto para presidente da República aponta que Dilma Rousseff (PT) ganhou espaço entre os eleitores das regiões Norte/Centro Oeste e Nordeste. José Serra (PSDB) manteve a liderança nas regiões Sul e Sudeste. O levantamento foi encomendado pela TV Globo e pelo jornal "O Estado de S.Paulo".

Em todo o país, a pesquisa apontou Dilma Rousseff e José Serra empatados. Os dois têm 37% das preferências e Marina Silva, 9%. Nove por cento dos entrevistados disseram que votarão em branco, nulo ou em nenhum candidato. Os indecisos somam 8%. O Ibope ouviu 2.002 eleitores em 141 cidades do país entre os últimos dias 31 de maio e 3 de junho. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Foi a primeira pesquisa feita pelo Ibope depois da exibição de propagandas políticas do PT e do DEM.

Dilma tem 43% das intenções de voto na região Norte/Centro Oeste, acima dos 34% do último levantamento do Ibope, em abril. Na mesma região, Serra passou de 33% para 31%, enquanto Marina Silva (PV) passou de 16% para 11%.

Na região Nordeste, Dilma passou de 41% em abril para 47%. Serra tem 27% das intenções de voto, ante 33% em abril. Marina passou de 6% para 9%.

Serra manteve a liderança no Sudeste, com 41% das intenções de voto, ante 44% verificados em abril. Dilma aparece em segundo lugar na região, com 33%, acima dos 28% da pesquisa anterior. Marina passou de 9% para 10%.

A liderança também permaneceu com Serra na região Sul, com 46% das intenções de voto, ante 48% do levantamento anterior. Dilma passou de 24% para 26%, enquanto Marina foi de 8% a 6%.

Renda
A pesquisa Ibope também mostrou que a intenção de voto em Dilma é maior entre os eleitores com renda de um a dois salários mínimos, enquanto Serra lidera entre os que ganham mais de cinco salários mínimos.

Entre os eleitores com renda até um salário mínimo, Dilma tem 43% das intenções de voto, enquanto Serra tem 32% e Marina, 5%.

Serra lidera entre os eleitores com renda entre um a dois salários mínimos, com 37% das intenções de voto. Dilma tem 35% das intenções, enquanto Marina tem 9%.

Dilma e Serra aparecem empatados com 38% das intenções de voto entre os eleitores com renda de 2 a 5 salários mínimos. Marina tem 11%.

Entre os eleitores com renda acima de cinco salários mínimos, Serra tem 42% das intenções de voto, enquanto Dilma tem 33%. Marina tem 12%.

Comento: A pesquisa demonstra o óbvio, qual seja, que quanto menor a renda e a escolaridade, maior a probabilidade de votar em Dilma. Analfabeto e humilde, eis o principal alvo que o oportunismo petista tenta seduzir com suas promessas populistas. Como o Norte e o Nordeste concentram mais miséria e ignorância, o PT volta suas energias para estas regiões, com suas crescentes esmolas estatais, chamadas de Bolsa-Família. À medida em que o sujeito avança nos estudos e começa a ganhar melhores salários, aumenta a probabilidade de ele rejeitar a petista. Por que será?

13 comentários:

Ricardo Santos Silva disse...

Com a palavra, os petistas fanáticos, alienados e/ou mentirosos.

Anônimo disse...

Nas últimas eleições, Lula perdeu na maioria dos estados considerados "motores" do país, que são os que mais geram riqueza para a nação, justamente por acharem que ele não fez um governo digno de uma segunda chance. Perdeu no RS, SC, PR, SP, e também em MS, MT e RR.

Prof. Roque disse...

Porque as dificuldades econômicas são maiores no nordeste e em função disso as ajudas como bolsa-família representam muito. No sul o pessoal quer evoluir sem esmolas, apenas pela valorização do trabalho e sem serem roubados.

Nety disse...

É a diferença que no sul as pessoas já estão vacinadas contra mentiras do Lula, como ele vê que não vai ganhar no sul ele tenta criar uma rivalidade "divisão" entre Norte e Sul.
Ele é assim mesmo ele usa as passoas para se beneficiar, olha os amiguinhos corruptos dele, com ele não aconteceu nada, ele não viu, não escutou, e não sabe de nada, nada mesmo porque nos debates ele só fica lendo aquele papel com mentiras que os outros amiguinhos que ainda não foram descobertos em nenhum trambique escrevem para ele. Lamento pelo Norte que estão sendo enganados novamente pelo Lulalele.

mariaceti disse...

Painho tá indicando a mainha. E como foi dito, questão de consciência política. NA última eleição Lula não ganhava com os votos de nós, sulistas.

Aprendiz disse...

Rodrigo

Esses caras são ótimos:

http://www.youtube.com/watch?v=ZvJ-8d9X9JA&feature=player_embedded

lingvo-shatanto disse...

Resposta a queima-roupa:

Certamente porque quem tem situação econômica mais privilegiada,lê jornais e revistas e ouve/vê a mídia via canais privilegiados, onde abundam comentaristas que propagam a visão derrotista do Rodrigo, temem perder as posições adquiridas em favor dos mais pobres.

Por outro lado, se válido seu raciocínio, não pode pairar dúvidas sobre a vitória de Dilma, pois a imensa maioria do eleitorado brasileiro encontra-se na faixa de renda abaixo de 5 salários mínimos, enquanto na faixa acima de 10 sm existe no máximo de 5 a 10% da população brasileira (quem souber dos percentuais precisos, favor me corrigir).

E eu acredito (vc. não esclarece isso) que na faixa entre 5 e 10 sm a disputa se encontra pau a pau.

Não que eu deseje necessariamente a vitória de Dilma. Prefiro por ora a Marina.

Mas se o Serra demonstrar nos debates que mudou de atitude em relação aos mais pobres e mais desprotegidos deste país e em relação a seus preconceitos contra tudo o que está fora do eixo Sudeste/Sul, posso até votar nele, como repetida o fiz pró FHC.

Não se esqueça de que nos subúrbios das grandes cidades do centro-sul, especialmente na imensidão hindu de nossas favelas, a imensa maioria da população que, com certeza, supera a da população mais privilegiada) se encontra na faixa de renda inferior a 5 sm.

Como vc. pode ver, Rodrigo, a análise feita por vc. pode tranquilamente redundar em conclusão diametralmente oposta, muito mais próxima do que realmente anda na cabeça do brasileiro comum, que vcs. insistem em menosprezar e colocar de lado em suas análises, porque a imensamente maioria, no mundo da macro-economia em que vcs. vivem mergulhados, eles não contam, pois em termos econômicos eles são um zero à esquerda.

Só que vcs. esquecem é que o povo brasileiro são primordialmente eles e são eles que elegem os nossos governantes, e a cuja vontade devem se submeter os que dirigem ou pretendem dirigir este país, se continuam a dizer que a democracia é o governo do povo, pelo povo e para o povo, não para uma minoria sequiosa de acúmulo de bens a qualquer custo.

Ah! Não posso esquecer: não sou analfabeto, mas tenho formação superior, se bem que também não sou professor universitário esquerdista, e me encontro na faixa de renda acima de 10sm. Nem sou corrupto e o que ganho e eventualmente acumulei algum patrimônio o fiz honestamente e com bastante esforço e trabalho durante algumas décadas.

Anônimo disse...

É isso que pode favorecer a Dilma!! O que tem de gente pobre nesse Brasil não é brincadeira...

Charles Fernando disse...

Povo não tem poder político, o empresariado não tem poder político... parece hopeless.. alguns país conseguiu fugir ou se libertar da opressão dos esquerdistas?

Dá vontade de não pagar imposto pra não alimentar essa opressão, melhor fazer greve e ser preso do que tolerar o estado de coisas..

Anderson disse...

Constantino, seria possível divulgar esses vídeos aqui?

Links:
1) http://www.youtube.com/watch?v=qWgol6I-YpY&feature=player_embedded
2) http://www.youtube.com/watch?v=8wIlFaF2r4c&feature=related
3) http://www.youtube.com/watch?v=KMFJvnRibM8&feature=related
4) http://www.youtube.com/watch?v=mRBb1ymUkoE&feature=related
5) http://www.youtube.com/watch?v=GbZcINfu4Pw&feature=related

Uma mente tão brilhante merece... kkkkkkk

Anônimo disse...

O dia em que você conseguir ganhar nesse debate com esse cara eu passo a concordar com você.

http://www.rafael.galvao.org/2010/05/sobre-o-bolsa-familia/

Barba Negra

ntsr disse...

O pensamento geral é que estar do lado da esmola é estar do lado do pobre.Se são justemente nos paises mais liberais onde os 'pobres' tem mais poder de compra e vivem com mais conforto

ntsr disse...

Esse tal de rafael galvão mente tanto que dá até pra perder a conta
Ele já começa falando que o negócio é um sucesso, ora, pra julgar se isso é um sucesso PRA SOCIEDADE vc tem que ver se a longo prazo a sociedade vai continuar aguentando sustentar isso.A russia comunista tb era um desses sucessos até pouco antes de 89

'vão apenas fazer filhos para receber o benefício — é um desrespeito ao povo brasileiro dizer algo do tipo, levando-se em conta que o Bolsa Família é uma renda complementar e não é suficiente para sustentar completamente uma família.'

Isso n tem lógica nenhuma.Tem gente que JÁ faz isso, tem gente que JÁ faz nove dez filhos sem ter dinheiro pra criar nenhum com ou sem bolsa esmola.Se ele n da pra sustentar uma familia, e daí?Esse nunca foi o critério.Que cara tosco.

Tenho certeza que acharia outras pérolas mas n vou mais me dar ao trabalho de comentar esse zé ninguém pago com o dinheiro dos meus impostos.