sexta-feira, agosto 13, 2010

Read Ayn Rand



Deu no G1:

Um homem percorreu mais de 12 mil milhas (cerca de 22 mil quilômetros) em 30 estados dos Estados Unidos para conseguir escrever uma mensagem que pode ser vista apenas por usuários do serviço de mapas Google Earth. Em uma viagem de 30 dias, indo da costa oeste para a costa leste do país, Nick Newcomen conseguiu escrever “Read Ayn Rand”, que em português significa “leia Ayn Rand”.

Para conseguir o feito, Newcomen primeiro identificou qual caminho deveria fazer para conseguir escrever a mensagem. Segundo ele, o motivo do feito foi porque ele é fã da filósofa Ayn Rand. “Na minha opinião, se mais pessoas lessem seus livros, o país estaria muito melhor”, disse.

Newcomen, diferentemente de outros artistas que usam o GPS, viajou para conseguir escrever no mapa. Ele usou um GPS Qstarz BT-Q1000X para “pintar” a mensagem. Iniciando sua viagem na cidade de Marshall, no Texas, ele ligou o aparelho apenas quando era necessário escrever. “A primeira palavra que escrevi foi ‘Rand’. Depois, viajei para o norte e escrevi ‘Read’ e finalizei com ‘Ayn’”, disse.

6 comentários:

ntsr disse...

EUA tá perdido.O mundo tem lugares muito melhores e mais livres como a AUSTRÁLIA

Andreia Flor Morena disse...

Olá rodrigo, meu nome é Andreia e entrei aqui por breve acaso do destino. Não sou economista e não me interesso por politicagem só pelo ato político ao qual todo somos impregnados... tenho um blog, despretencioso e, se com parado ao seu, polígamo hehe...
mas se quiser visitar-me fique a vontade... Falo de muita coisa e de nada ao mesmo tempo... Peguei emprestado o seu raciocínio sobe Ulisses pq foi o melhor que achei.
Gracias

Analfabeto Funcional sem Cultura disse...

Por uma grande causa, um grande ato...levou ao pé da letra. Rsrsrsr. Bela campanha. Ao passo que, por aqui, 'campanhas' políticas são todas envoltas em doutrinas coletivistas, sempre desconsiderando a individualidade e a diversidade. Por que não saem duma vez da superficialidade, aprofundando-se no assunto? Por que não perguntam para a senhora Rousseff, por que ela nunca condenou a ditadura medonha de Fidel Castro? Um exemplo pronto e acabado de regime coletivista, tão ruim que ninguém quer ir morar lá, muito pelo contrário, as pessoas querem ir embora, mas não podem.

fejuncor disse...

Os terroristas latino americanos não tinham conhecimentos suficientes de geografia e de propulsão a reação. Fidel Castro alugou a ilha para os soviéticos instalarem seus mísseis SS18. A jogada foi tão audaciosa, que os americanos tiveram de tirar os misseis R7 que haviam sido instalados em silos na Itália e na Turquia. E olhe que os soviéticos nem chegaram a levar os mísseis para Cuba - embora se diga que um submarino lançador permanecesse submerso e escondido junto ao fundo arenoso do mar em volta da Ilha.

Em todo caso. Fidel Castro conseguiu se manter no poder porque teve o apoio incondicional e decidido do Kremlin - PORQUE TINHA IMPORTÂNCIA ESTRATÉGICA.

Os baba-ovos pensavam que Cuba era uma experiência socialista. Santa ingenuidade. E chegavam a conseguir fuzis e granadas, sonhando em implantar o comunismo a partir de buracos no meio do mato. Hoje, os que conseguiram chegar ao governo, são mais corruptos do que aqueles que eles queriam tirar do poder.

Parece piada. Mas não é.

rodrigo disse...

Letra feia a desse cara.

MikeMooreAC disse...

Quanta caridade do Nick! Ou ele não acredita de fato na moral pregada pela Ayn Rand ou fez isto por amor a sí próprio. :)